Confira alguns destaques do 16º Festival de Cinema Italiano



Evento híbrido acontece entre 05 de novembro e 05 de dezembro

Nesta sexta-feira, dia 05 de novembro, começa o 16º Festival de Cinema Italiano. Entre 05 e 12 de novembro, os longas inéditos vão estrear nas salas de cinema do Petra Belas Artes. Mais uma vez, o evento apresenta o melhor do cinema italiano com sessões presenciais e gratuitas. Além disso, oito dos filmes exibidos estiveram presentes na seleção do Festival de Veneza de 2021. O formato online, acontecerá até 05 de dezembro, por meio do site do Festival, com uma seleção de 16 filmes inéditos e 16 clássicos, este último uma retrospectiva “As mais belas trilhas sonoras do cinema italiano”. As sessões também são gratuitas.

“A nossa escolha se baseia em parte nos filmes que são apresentados em grandes festivais internacionais, e principalmente nos Festivais de Veneza e de Roma, que são um fio condutor da cinematografia italiana. Também procuramos por filmes que nunca chegariam em grandes festivais no Brasil, mas que contenham uma história autêntica, que de alguma forma nos tragam reflexão ou nos façam rir de situações inusitadas, onde a arte imita a vida ou possivelmente o exato contrário”, explica Erica Bernardini, curadora e diretora do festival, ao lado de Nico Rossini, que também é Diretor da Câmara de Comércio Ítalo-Brasileira, que promove o 16º Festival de Cinema Italiano.

Para saber mais sobre o festival acesse o site aquiConfira abaixo alguns dos destaques do festival:

Com todo meu Coração


A hilária comédia, um dos filmes mais vistos na Itália este ano, conta a história de Ottavio Camaldoli (Vincenzo Salemme), um pacato professor de latim e grego. Considerado "um tolo" pelas pessoas ao seu redor, ele recebe, por meio de um transplante, o coração de um famoso criminoso apelidado de "O Barbeiro". Partindo do princípio de que quando uma pessoa recebe o coração de outra ela herda suas características,  Donna Carmela (Cristina Donadio), a implacável mãe do criminoso, incumbe Ottavio de vingar a morte de seu amado filho. Aí é que toda a confusão acontece! Será que nosso protagonista, após o transplante, será Antonio Carannante conhecido como "'O Barbiere" ou Ottavio Camaldoli, o singelo professor? Garantia de boas risadas!

Assista ao trailer:


Ficha técnica
Com todo meu Coração
Itália | 2020 | Comédia | 90 min.
Título Original - Con Tutto Il Cuore
Direção - Vincenzo Salemme
Elenco - Vincenzo Salemme, Serena Autieri, Cristina Donadio, Maurizio Casagrande, Antonio Guerriero, Sergio D'Auria, Andrea Di Maria, Vincenzo Borrino, Gennaro Guazzo, Ciro Capano, Rodolfo Corsato e Marcello Romolo

Blackout Love


Normalmente quando se termina um relacionamento, a promessa é a de se fazer tudo diferente no próximo não é mesmo?. É o que acontece com Valeria (Anna Foglietta ) no longa da diretora Francesca Marino, Blackout Love. Ela passa por vários, um após o outro. Além disso, treina um time feminino de vôlei e seu treino vai muito além das regras do jogo, ensinando suas meninas a serem independentes e evitar a dor ao lidar com o amor. Mas o inesperado acontece após seu ex-namorado Marco (Alessandro Tedeschi), que a deixou há cerca de um ano, sofre um acidente muito incomum: ele perde a memória e volta repentinamente para sua vida. A pedido dos médicos e da família, Valeria terá que conviver com Marco como se nada tivesse acontecido, para que ele possa recuperar a memória. Uma espécie de tratamento. Ela então decide que chegou a hora de se vingar dele. Mas não será tão fácil quanto ela pensa. Uma comédia divertida e mordaz, onde as certezas dão lugar aos sentimentos.

Assista ao trailer:


Ficha técnica
Blackout Love
Itália | 2021 | Comédia Romântica | 95 min.
Direção - Francesca Marino
Elenco - Anna Foglietta, Alessandro Tedeschi, Anna Bonaiuto, Barbara Chichiarelli, Alessio Praticò e Giancarlo Commare

Uma Relação


O romance Uma Relação, do diretor Stefano Sardo, fala sobre os erros  cometidos em uma relação aparentemente perfeita. Afinal, quando um relacionamento entra em crise o ideal é o diálogo, e aceitar que ninguém erra sozinho. No filme, Tommaso (Guido Caprino) e Alice (Elena Radonicich) vivem juntos há quinze anos, ele um músico, ela uma atriz. Eles moram em Roma, onde compraram uma casa graças a uma hipoteca que foi o único compromisso de responsabilidade que fizeram juntos. Quando convidam para um jantar seus amigos e fazer um importante anúncio, seus amigos pensam que finalmente é o casamento. Em vez disso, Tommaso e Alice comunicam que decidiram romper, mas querem que seja aos poucos, permanecendo amigos de uma forma natural. Uma ambição legítima, porém ingênua. Na medida em que os dias passam, eles percebem o quão dolorida é uma separação. Lembranças boas e incertezas vem à tona. Eles percebem que nenhuma mudança é, e nem pode ser, indolor. Bonito filme.

Assista ao trailer:


Ficha técnica
Uma Relação
Itália/França | 2021 | Romance | 105 min.
Título Original - Una Relazione
Direção - Stefano Sardo
Elenco - Guido Caprino, Elena Radonicich, Federica Victoria Caiozzo aka Thony, Libero De Rienzo, Alessandro Giallocosta, Isabella Aldovini, Francesca Chillemi e Enrica Bonaccorti

Morrison Café


Morrison Café faz um paralelo entre o sonho do sucesso e a triste realidade do ostracismo. No longa, o jovem de 20 anos Lodo (Lorenzo Zurzolo) se apresenta como vocalista do MOB, uma banda independente, em um lendário clube romano: o Morrison. Um dia, por acaso, o caminho de Lodo se cruza com o de Libero Ferri (Giovanni Calcagno), um ex-astro do rock com uma carreira estagnada, que tenta o sucesso, mas acaba se fechando cada vez mais em si mesmo. Entre sonhos, fracassos, amizades, amores atormentados e personagens curiosos, o encontro deles será um estímulo mútuo para seguir em frente, mas às vezes também uma comparação difícil entre gerações e comportamentos muito diferentes.

Assista ao trailer:


Ficha técnica
Morrison Café
Itália | 2021 | Drama | 99 min.
Título Original - Morrison
Direção - Federico Zampaglione
Elenco - Lorenzo Zurzolo, Giovanni Calcagno, Carlotta Antonelli, Giglia Marra, Riccardo De Filippis, Adamo Dionisi, Gabriele Sorrentino, Daniele Rienzo, Valentino Campitelli, Emanuele Bosi, Andrea Renzi e Alessandra Amoroso

Governança


O filme de Michael Zampino trata de um assusto recorrente para nós brasileiros: a impunidade. Em Governaça, Renzo Petrucci (Massimo Popolizio) é um alto executivo de um importante grupo petrolífero, é brilhante mas sem escrúpulos. Depois de uma investigação sobre corrupção, ele é forçado a deixar o cargo. Convencido de que foi uma armação, Renzo prepara sua vingança. Muita chantagem e ameaças de denúncias, tão o tom ao filme. O longa não chega a empolgar, mas o roteiro é muito bem amarrado. Governança é o tipo do filme que no final a gente ironicamente comenta: conheço essa história...

Assista ao trailer:


Ficha técnica
Governança
Itália/França | 2020 | Drama | 88 min.
Título Original - Governance
Direção - Michael Zampino
Elenco - Massimo Popolizio, Vinicio Marchioni, Sarah Denys, Maria Cristina Heller, Claudio Spadaro, Marial Bajma-Riva, Antonio Zavatteri, Sonia Barbadoro e Sara Putignano

O Grande Silêncio


O Grande Silêncio é uma tragicomédia que dá a impressão de estarmos em um teatro, pois o filme praticamente acontece em um único ambiente: o estúdio empoeirado do escritor Valerio Primic (Massimiliano Gallo). O longa trata de uma questão muito delicada: a sensação de ter passado a vida  sem tê-la vivido em sua plenitude. Sem ter dado a devida atenção e importância aos que nos rodeiam. É esse o sentimento do protagonista, que não consegue emplacar um novo livro há tempos e, consequente, o leva a uma grave crise financeira. A saída encontrada para amenizá-la, é vender a luxuosa mansão da família: a Villa Primic. Uma decisão dolorosa acatada pela esposa Rose (Margherita Buy), e compartilhada pelos dois herdeiros da fortuna dilapidada, Massimiliano (Emanuele Linfatti) e Adele (Antonia Fotaras). Uma história marcada por conflitos, mal-entendidos, as vozes e os silêncios de uma família tão excepcional como caótica e disfuncional. Afinal, o silêncio grande assusta aos ouvidos! Excelente filme do diretor Alessandro Gassmann.

Assista ao trailer:


Ficha técnica
O Grande Silêncio
Itália/Polônia | 2021 Drama | 106 min.
Título Original - Il Silenzio Grande
Direção - Alessandro Gassmann
Elenco - Massimiliano Gallo, Margherita Buy, Marina Confalone, Antonia Fotaras e Emanuele Linfatti

Todos Por 1-1 Por Todos


Que atire a primeira pedra aquele que na pré-adolescência não teve grande um amor, ou melhor, sonhou em viver uma linda história de amor. Esse é o mote do longa Todos Por 1-1 Por Todos, dirigido por Giovanni Veronesi. Uma divertida comédia de fantasia onde um garoto, que após receber a notícia de que o grande amor de sua vida está indo embora para um outro país, usa de sua imaginação para se transportar à época de seus heróis: os Três Mosqueteiros. Só que na sátira de Veronesi, D'Artagnan (Pierfrancesco Favino), Porthos (Valerio Mastandrea) e Athos (Rocco Papaleo) estão envelhecidos e mais parecem com os Três Patetas. Mas uma coisa fica clara, eles estão enferrujados mas sempre fiéis aos seus princípios de amor e lealdade à Coroa. Sendo assim, eles são chamados pela Rainha Anne da Áustria (Margherita Buy) para uma última missão. A notícia leva o pequeno e apaixonado órfão Buffon (Federico Lelapi) ao desespero, pois nossos heróis devem levar com segurança sua amada, a pequena princesa Ginevra (Sara Ciocca), filha de Enrichetta da Inglaterra (Anna Ferzetti), para a Holanda. Em uma jornada cheia de desafios de todos os tipos e encontros fantásticos, incluindo um com Cyrano (Guido Caprino), eles enfrentarão as mais duras provações. Por fim, a provação maior fica entre a lealdade à Coroa e o amor. Quem vencera?

Assista ao trailer:


Ficha técnica
Todos Por 1-1 Por Todos
Itália | 2020 | Fantasia | 90 min.
Título Original - Tutti Per 1-1 Per Tutti
Direção - Giovanni Veronesi
Elenco - Pierfrancesco Favino, Valerio Mastandrea, Rocco Papaleo, Margherita Buy, Federico Ielapi, Giulia Michelini, Guido Caprino, Anna Ferzetti, Sara Ciocca, Giulio Scarpati, Davide Marotta, Massimiliano Varrese, Luis Molteni, Ubaldo Pantani, Anna Bonasso

Mimi, o Metalúrgico


Genial filme da diretora Lina Wertmüller, Mimi, o Metalúrgico é uma rasgada crítica político- social vivida na Itália no início dos anos 1970. Aliás, o longa foi censurado no Brasil no período da ditadura militar, por seu cunho socialista.   No filme, o operário siciliano Carmelo “Mimi” Mardocheo perde seu emprego ao apoiar, em uma eleição local, o candidato do Partido Comunista. Desempregado, Mimi parte para a cidade de Turim em busca de novos horizontes, acreditando que na cidade grande tudo seria diferente. Só que não! Os poderosos continuam no controle, a Máfia domina o cenário etc. A diretora cria, por meio do personagem, um anti-herói que se mete em situações absurdas. Além disso, mostra uma sociedade machista e preconceituosa. O ator Giancarlo Giannini dá um tom chapliniano ao personagem em diversas cenas, apoiado pela trilha musical de Piero Piccioni . Um excelente filme.

Assista ao trailer:


Ficha técnica
Mimi, o Metalúrgico
Itália | 1972 | Comédia | 121 min.
Título Original - Mimì Metallurgico Ferito Nell'Onore
Direção - Lina Wertmüller
Elenco - Giancarlo Giannini, Mariangela Melato, Turi Ferro, Agostina Belli, Luigi Diberti e Elena Fiore
Música - Piero Piccioni

Era Uma Vez na América


Estrelado por Robert De Niro o filme, ou melhor o longo filme, narra a história de um grupo de amigos de ascendência judaica que crescem juntos cometendo pequenos crimes nas ruas do Lower East Side, em Nova Iorque. Aos poucos, estes crimes vão assumindo maiores proporções e os amigos se tornam respeitáveis mafiosos. O entrelaçamento de companheirismo, ambição e traição leva a uma reviravolta na história e, 35 anos depois, o único sobrevivente do grupo volta ao bairro para cumprir sua última missão. Foi o último filme dirigido por Sérgio Leone antes de sua morte, e a impecável trilha sonora foi composta por Ennio Morricone. Era Uma Vez Na América recebeu duras críticas à época de seu lançamento, mas hoje é considerado um dos melhores filmes de gangster já produzidos. Um épico! Vale a pena conferir.

Assista ao trailer:


Ficha técnica
Era Uma Vez Na América
EUA/Itália | 1984 | Policial | 229 min.
Título Original - Cera Una Volta In America
Direção - Sergio Leone
Música - Ennio Morricone

Serviço
16º Festival de Cinema Italiano
Período - de 05 a 12 de novembro
Local - Petra Belas Artes
Endereço - R. da Consolação, 2423 - Consolação - São Paulo
Exibições online e gratuitas
Período - de 05 de novembro a 05 de dezembro
Local - site do Festival clique aqui

Postar um comentário

0 Comentários