Confira alguns destaques da 45ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo



A 45ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo acontece até o dia 03 de novembro em dois formatos de exibição: presencial e online (clique aqui). A programação conta com 264 filmes, vindos de mais de 50 países, que serão apresentados nas seções Perspectiva Internacional, Competição Novos Diretores, Mostra Brasil e Apresentação Especial, além da Retrospectiva Paulo Rocha. Confira abaixo quatro produções que você pode assistir tanto online, quanto presencialmente:

Um Forte Clarão
Espanha | 2021 | Ficção | 96 min.
Título Original - Destello Bravío
Direção e Roteiro - Ainhoa Rodríguez


Um Forte Clarão (Destello Bravío) é uma história misteriosa, sombria e sugestiva, distante das abordagens narrativas tradicionais. É uma ficção que bebe na fonte do documentário e dos códigos de suspense, com notas de realismo mágico e surrealismo. Desmonta os gêneros cinematográficos, rompe com a história tradicional e leva em conta vários cotidianos para descrever um estado de espírito: o sentimento dos habitantes de um lugar em processo de despovoamento, focando em suas mulheres.

O filme também aborda a busca pela beleza e a saudade da infância. Como causa de seus males, o sistema patriarcal e a chegada da globalização. É uma busca pessoal entre realidade e fantasia, naturalismo e surrealismo. Uma ficção estrelada por não-atrizes e não-atores, nativos da região de Tierra de Barros (Badajoz, Espanha) e arredores, escolhidos após inúmeros testes de elenco. As protagonistas são mulheres reais, longe de cânones normativos, que trazem sua verdade nua para o trabalho. A cidade e as cidades vizinhas foram protagonistas na realização do filme.

O longa mergulha nas construções sociais de homens e mulheres, bem como caminha pelas idiossincrasias dos povos do sul da Espanha. Questiona os benefícios do fim de uma era e a chegada da globalização, que implica a perda de tradições mais profundamente ligadas ao meio rural. O filme tem como objetivo refletir sobre as estruturas sociais, culturais e relações de gênero que compõem nossa convivência.

Assim, Um Forte Clarão é uma história universal que convida o espectador a dialogar com o filme, a relacionar-se com novas abordagens, conhecer outras realidades e, ao mesmo tempo, ver-se refletido nessas diversas situações da vida cotidiana. O filme tem a convicção de estabelecer um ponto de vista feminino e feminista, e colaborar na construção de um imaginário coletivo mais justo, inclusivo e mais heterogêneo. É uma obra que subverte o establishment para nos questionar por que, em um mundo no qual a globalidade prevalece, os olhares únicos na arte são subversivos.

Ficha técnica
Um Forte Clarão
Direção e Roteiro - Ainhoa Rodríguez
Fotografia - Willy Jáuregui
Montagem - José Luis Picado
Desenho de Som - Alejandro Castillo e Eva Valiño
Design de Produção - Laura Garcia-Serrano
Música - Alejandro Lévar e Paloma Peñarrubia
Elenco - Guadalupe Gutiérrez, Carmen Valverde, Isabel Mendoza
Produção - Ainhoa Rodríguez e Luís Miñarro
Produzido Por Tentación Cabiria e Eddie Saeta

Serviço
Um Forte Clarão
Sessões na 45ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo
Data - 23 de outubro - sábado
Horário - 14h00
Local - Reserva Cultural 1
Endereço - Av. Paulista, 900 - Bela Vista - São Paulo
Para mais informações clique aqui

Amor Fati
Portugal/Suíça/França | 2020 | Documentário | 102 min.
Título Original - Amor Fati
Direção - Cláudia Varejão


Amor Fati vai ao encontro de partes que se completam. São retratos de casais, amigos, famílias e animais com os seus donos. Partilham a intimidade dos dias, os hábitos, as crenças, os gostos e alguns traços físicos. A partir dos seus rostos e da coreografia dos gestos, descobrimos a história que os enlaça. Baseado na vida cotidiana, o filme desenha diante dos nossos olhos um coro de afetos e da memória colectiva de um país, convocado o discurso de Aristófanes no Banquete de Platão: "não será a isto que vocês aspiram - a identificarem-se o mais possível um ao outro, de forma a não mais se separarem noite e dia? Se é essa a vossa aspiração, estou disposto a fundir-vos e soldar-vos numa só peça, de tal modo que, em vez de dois, passem a ser um só".

Ficha técnica
Amor Fati
Direção - Cláudia Varejão
Fotografia - Cláudia Varejão
Montagem - João Braz e Cláudia Varejão
Design de Produção - Daniel Almada e Elsa Ferreira
Produção - João Matos, Vadim Jendreyko e Jérôme Blesson
Produzido Por Terratreme Filmes, Mira Film, La Belle Affaire
Distribuição - Bretz Filmes

Serviço
Amor Fati
Sessões na 45ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo
Data - 24 de outubro - domingo
Local - Espaço Itaú Frei Caneca - sala 4
Endereço - R. Frei Caneca, 569 - Consolação - São Paulo
Horário - 16h10
Data - 26 de outubro - terça-feira
Local - Espaço Itaú Frei Caneca - sala 5
Endereço - R. Frei Caneca, 569 - Consolação - São Paulo
Horário - 21h
Data - 28 de outubro - quinta-feira
Local - Petra Belas Artes - sala 2
Endereço - R. da Consolação, 2423 - Consolação - São Paulo
Horário - 15h50
Para mais informações clique aqui

No Taxi do Jack
Portugal | 2021 | Ficção | 70 min.
Título Original - No Taxi do Jack
Direção - Susana Nobre


Com 63 anos e próximo da aposentadoria, Joaquim precisa preencher os requisitos exigidos pelo centro de emprego para usufruir de seus direitos trabalhistas. Apesar de saber não voltará à vida ativa, ele visita inúmeras empresas para pedir atestados que provem sua procura por trabalho. Nessas viagens, Joaquim relembra a vida de imigrante nos Estados Unidos, onde trabalhou como taxista em Nova York.

Ficha técnica
No Taxi do Jack
Direção e Roteiro - Susana Nobre
Elenco - Armindo Martins Rato, Maria Carvalho e Joaquim Veríssimo Calçada
Fotografia - Paulo Menezes
Montagem - João Rosas, Susana Nobre
Desenho de Som - João Gazua
Produtor - João Matos
Produção - Terratreme Filmes
Distribuição - Bretz Filmes

Serviço
No Táxi do Jack
Sessões na 45ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo
Data - 23 de outubro - sábado
Local - Espaço Itaú Frei Caneca - sala 4
Endereço - R. Frei Caneca, 569 - Consolação - São Paulo 
Horário - 16h10
Data - 31 de outubro - 
Local - Petra Belas Artes - sala 2
Endereço - R. da Consolação, 2423 - Consolação - São Paulo
Horário - 21h
Para mais informações clique aqui

Visões do Império
Portugal | 2020 | Documentário | 93 min.
Título Original - Visions of Empire
Direção - Joana Pontes


Visões do Império é uma viagem coletiva ao passado colonial por meio de uma seleção de fotografias do império português, captadas desde os finais do século XIX até à Revolução de abril de 1974, que pôs fim tanto ao regime político que governava Portugal, como ao estatuto colonial de vários territórios africanos que só em 1975, depois de uma longa guerra, se tornaram países independentes. As reflexões suscitadas pela revisitação de fotografias da infância da realizadora em Angola são o fio condutor de uma procura de contextos e sentidos sobre a documentação fotográfica do império colonial português, existente em Portugal.

Ficha técnica
Visões do Império
Direção - Joana Pontes
Roteiro - Joana Pontes, Miguel Bandeira Jerónimo, Filipa Lowndes Vicente
Participação (ordem de entrada) - Sandra Paraíso, Eduardo Martinho, Filipa Lowndes Vicente, Catarina Mateus, Miguel Bandeira Jerónimo, Margarida Dias da Silva, Afonso Ramos e Carmen Rosa
Produção - Filipa Reis e Patrícia Faria
Assistentes de Produção - Carolina Néu, Isa Reis, Pedro Antunes, Raquel Rolim Batista e Filipa Falcão
Fotografia - Rui Xavier
Desenho de Som - Armanda Carvalho
Montagem - Rui Branquinho e Joana Pontes
Música Original - Carolina Néu

Serviço
Visões do Império
Sessões na 45ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo
Data - 02 de novembro -
Local - Espaço Itaú Frei Caneca - sala 2
Endereço - R. Frei Caneca, 569 - Consolação - São Paulo
Horário - 19h10
Para mais informações clique aqui

Postar um comentário

0 Comentários