Festival Digital Curta Campos do Jordão bate recorde de inscritos



Ao todo foram 
inscritos 564 filmes

As inscrições para o Festival Digital Curta Campos do Jordão - FDCCJ superaram as expectativas de seus realizadores. Foram 564 curtas-metragens inscritos em 10 dias, divididos em seis categorias: Ficção, com 245 inscritos; Documentário, com 132; Experimental, com 130; Animação, com 39; Infantil, com 11; e Regional, com 7 produções.

A curadoria já trabalha a todo vapor para divulgar os selecionados no dia 21 de março. O objetivo do FDCCJ de estimular a produção de curtas-metragens de qualidade técnica e artística em todo o território nacional tem reflexo não só no volume de títulos inscritos como no alto nível das produções.

Foram registrados curtas-metragens oriundos de capitais e de cidades do interior de 22 estados brasileiros e no Distrito Federal:Alagoas (6 filmes), Amazonas (9 filmes), Bahia (34), Ceará (21), Distrito Federal (16), Espírito Santo (7), Goiás (11), Maranhão (4), Mato Grosso (4), Mato Grosso do Sul (1), Minas Gerais (45), Pará (3), Paraíba (9), Paraná (45), Pernambuco (24), Rio de Janeiro (91), Rio Grande do Norte (20), Rio Grande do Sul (31), Rondônia (2), Santa Catarina (6), São Paulo (168), Sergipe (5) e Tocantins (1), além de uma produção de Portugal.

Os curadores afirmam que o “difícil não será selecionar os bons curtas-metragens, mas excluir a grande maioria da lista de classificados”. Segundo Cervantes Souto Sobrinho, diretor artístico e curador do FDCCJ, “é possível identificar a excelência técnica das produções já nos primeiros dias de seleção, bem como identificar que o audiovisual tem sido uma importante opção profissional para os jovens, que assinam boa parte dos filmes”.

Outro fator que merece destaque no panorama dos curtas inscritos é a diversidade temática, quando questões efervescentes da atualidade, necessárias de serem discutidas, ganham espaço nos roteiros e nas lentes.

O Festival Digital Curta Campos do Jordão acontecerá entre os dias 21 e 28 de abril, gratuitamente e de modo totalmente virtual pelo site aqui. Compõem a programação Mostras Competitivas de Curtas-Metragens, Sessão Especial para as pessoas atendidas pela APAE de Campos do Jordão e Oficinas de Formação Audiovisual, ministradas pelo cineasta Jeferson De, pela roteirista e produtora Cristiane Arenas e pelo diretor e professor de cinema Ralph Friedericks.

Os vencedores receberão troféu (Prêmio Araucária de Cinema) e prêmio em dinheiro da ordem de R$ 3.000,00. Um dos destaques do festival é o Prêmio Regional para o Melhor Curta produzido na Mantiqueira, Vale do Paraíba e Litoral Norte de São Paulo, tanto para os eleitos pelo Júri Oficial quanto pelo Júri Popular.

O Júri Popular - por votação online, a partir de 21 de abril - vai escolher o Melhor Curta Nacional e o Melhor Curta Regional. O Júri Oficial também vai eleger o Melhor Curta Regional e será responsável pela premiação dos melhores curtas nas categorias: Ficção, Documentário, Animação, Experimental, Infantil, além da Melhor Direção e Melhor Roteiro Original.

Idealizado e produzido pelo Cineclube Araucária de Campos do Jordão (SP), o FDCCJ conta com o apoio da Secretaria Municipal de Valorização da Cultura e do Convention Bureau de Campos e Região. Este projeto é contemplado pela Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo e do Ministério do Turismo, Governo Federal.

Postar um comentário

0 Comentários