Obra contrapõe masculinidade tóxica à saudável


“Vamos Falar de Masculinidade” traz 100 perguntas, em formato de livro-caixinha, para refletir sobre o que é ser homem hoje

Como deve ser um homem em 2020? Ou melhor, como ele não deveria ser? Essas e outras questões norteiam o 'Vamos Falar de Masculinidade. 100 Perguntas para Refletir Sobre O Que É Ser Homem Hoje', lançamento de livro-caixinha da Matrix Editora. Escrito pelo jornalista Mauricio Oliveira, em parceria com a ONG Brotherhood, o livro apresenta questões que ajudam o homem a pensar - sozinho ou em grupo, num formato lúdico de baralho (cartas com perguntas) - sobre suas crenças, atitudes e posturas machistas.

Reflexão mais do que atual. O termo “masculinidade tóxica” foi a expressão do ano de 2018, segundo o Dicionário Oxford. Por "masculinidade tóxica", entende-se um conjunto de hábitos que impõem o machismo, reflexo de uma sociedade patriarcal e de uma criação sexista.

“Você prefere ser liderado por homem ou por uma mulher?”, “Você considera que há profissões mais adequadas a homens e outras mais adequadas a mulheres?”, “Você considera que há brinquedos ou brincadeiras só de menino e outros só de menina?”, “Que diferenças há entre um homem que trai e uma mulher que trai?”.

Com perguntas assim, aparentemente simples, o livro compila convenções sociais e situações cotidianas nas quais a ideia do masculino acaba sendo nociva para todos. As perguntas fazem o leitor e/ou os participantes da dinâmica a refletirem sobre privilégios e estereótipos machistas, como esperar que mulheres assumam as tarefas de casa; buscar controlar suas roupas e ações; impor a palavra final e tratá-las com agressividade física ou psicológica, reduzindo-as a um papel subserviente.

Como transformar um modelo de masculinidade hegemônica que tradicionalmente defendeu valores como a agressividade e a invulnerabilidade? De forma lúdica, didática e que estimula o autoconhecimento, o livro revê a masculinidade tóxica e incita a busca por uma saudável, em benefício de toda a sociedade.

Sobre os autores

Mauricio Oliveira. Foto - Juliana de Mari

Nascido no Rio de Janeiro e criado em Florianópolis, Mauricio Oliveira é jornalista e contribui como repórter nos principais veículos do país. Com mestrado em História Cultural pela UFSC, é autor de dez livros sobre temas históricos, como Amores Proibidos na História do Brasil, Patápio Silva, O Sopro da Arte e Garibaldi, Herói dos Dois Mundos. Pela Matrix Editora, publicou Puxa Conversa Futebol, Puxa Conversa Viagem e Escrita Criativa.

Criada em 2017 pelo empresário Gustavo Tanaka, a Brotherhood (a Irmandade) é um movimento de homem para homens, uma organização comunitária que tem como objetivo ressignificar o papel do homem na sociedade e criar uma nova visão de masculinidade.

Ficha técnica
Vamos Falar de Masculinidade - 100 Perguntas para Refletir Sobre O Que É Ser Homem Hoje
Autores - Brotherhood e Mauricio Oliveira
Editora Matrix
Páginas - 100 cartas
Preço - R$ 38,00
Vendas on-line aqui

Postar um comentário

0 Comentários