No mês da Poesia Casa das Rosas traz programação pra lá de especial

Casa das Rosas. Foto - Rogério Cassimiro

Marcando o Dia Mundial da Poesia, 21 de março, o museu localizado na Av. Paulista retoma a poesia concreta em diferentes formatos de atividades, que inclui de apresentação musical inspirada na poesia concreta a oficina para pessoas que nunca escreveram poemas

Local de referência na área de literatura em São Paulo, a Casa das Rosas oferece uma programação variada para admiradores, pesquisadores e praticantes de criação poética e musical no mês em que se comemora o Dia Mundial da Poesia.

Maiakovski. Foto de domínio público. Autor desconhecido 

O museu programou um curso sobre a obra do russo Vladímir Maiakóvski - uma das referências dos poetas que criaram a poesia concreta no Brasil -, uma apresentação de música experimental, uma oficina para quem quer começar a escrever poemas e um stand-up com a escritora e compositora Patrícia Meira.

Concentrada em livros de autores que foram referências para o poeta Haroldo de Campos, patrono da Casa, a série de encontros de Páginas Abertas: poéticas sincrônicas promove o curso A poesia de Vladímir Maiakóvski às quintas-feiras de 05, 12, 19 e 26 de março, das 19h às 21h.


No curso, o poeta tradutor e editor Paulo Ferraz abordará a vida, paixão e militância de Maiakóvski, poeta, dramaturgo e designer de cartazes conhecido entre os bolcheviques que revolucionaram também a poética do século XX. Um dos destaques é mostrar como sua obra é marcada pela criatividade e por desejo de mudança. As inscrições estão abertas pelo site do museu.

No sábado, dia 07 de março, a partir das 19h, composições inéditas em música experimental e erudita contemporânea serão apresentadas pelo Coletivo Capim Novo em Sinestesia: concretos sonoros. O coletivo funciona como um espaço de livre criação com foco na difusão da música autoral e suas possibilidades em diferentes desdobramentos estéticos, surgindo a partir da junção entre professores e alunos da Escola de Música do estado de São Paulo (EMESP).

Nessa atividade, o grupo apresentará músicas inspiradas em poemas de Haroldo de Campos, Augusto de Campos e Décio Pignatari, que formavam o Grupo Noigandres nos anos 1950 e influenciaram composições do movimento da tropicália.

Em data próxima do Dia Mundial da Poesia, 21 de março, o museu oferecerá a oficina Eu não sei fazer poesia, mas que se f*da, título é inspirado na música “Não uso sapato” da banda Charlie Brown Jr., com encontros às terças-feiras, 10, 17, 24 e 31 de março, das 19h às 21h.

A oficina é voltada tanto para pessoas que nunca escreveram poemas, buscando despertar a criatividade desse público por meio da escrita, como para as que já tentaram, mas desejam esclarecer dúvidas sobre o processo de criação poética. Reynaldo Damazio, crítico literário, escritor e coordenador do Centro de Apoio ao Escritor (CAE) da Casa das Rosas, vai aplicar a atividade que está com inscrição aberta.

A escritora e compositora Patrícia Meira. Foto - Sérgio Silva

Já o Expresso Poesia: o stand-up poético da Casa das Rosas recebe, desta vez, a romancista, compositora e oficineira Patrícia Meira no Dia Mundial da Poesia, dia 21, às 15h. Nascida e criada em Itajuípe (BA), Patrícia pesquisa novos slams e venceu em competições nesse formato, como no Slam da Guilhermina. A escritora - que tem livros publicados de forma independente, entre eles “Por amar outra mulher Resisto” e “Emaranhado” -, apresentará nesse recital alguns dos seus textos autorais.

Ainda no dia 21, o público poderá participar de uma viagem pela poesia cantada desde a Grécia Arcaica até o Brasil contemporâneo, conduzida pelo dramaturgo e performer Renato Forin em Costuras poéticas pelo fio da voz, das 19h às 21h. Nesta aula-espetáculo, o também doutor em Letras pela UEL abordará a força da oralidade, o poder da palavra falada e cantada na configuração dos modos de vida de diferentes culturas, além de temas como o nascimento da poesia, da música e do teatro.

A Casa das Rosas - Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura integra a Rede de Museus-Casas Literários, pertencente à Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo e gerenciada pela Poiesis. Vale ressaltar que toda a programação é gratuita.

 Casa das Rosas. Foto - Rogério Cassimiro

Serviço

Casa das Rosas
Endereço - Av. Paulista, 37 - Bela Vista - São Paulo (próximo ao metrô Brigadeiro)
Horário de funcionamento - terça-feira a sábado das 10 às 22h, domingos e feriados das 10 às 18h
Informações 11 3285.6986, 11 3288.9447, e-mail aqui ou pelo site aqui

Programação

Curso
Páginas Abertas: A Poesia de Vladímir Maiakóvski
Coordenação - Paulo Ferraz
Data - de 05 a 26 de março - quintas-feiras
Horário - das 19h às 21h
Vagas - 40
Inscrição clique aqui
Faixa etária - livre
Grátis

Música
Sinestesia: Concretos Sonoros
Com Coletivo Capim Novo
Data - 07 de março - sábado
Hrário - das 19h às 21h
Faixa etária - livre
Grátis

Oficina
Eu Não Sei Fazer Poesia, Mas Que Se F*da
Coordenação - Reynaldo Damazio
Data - de 10 a 31 de março - terças-feiras
Horário - das 19h às 21h
Vagas - 40 vagas
Inscrição clique aqui
Faixa etária - livre
Grátis

Recital
Expresso Poesia: O Stand-Up Poético da Casa das Rosas
Com Patrícia Meira
Data - 21 de março - sábado
Horário - das 15h às 15h30
Faixa etária - livre
Grátis

Aula-espetáculo
Costuras Poéticas Pelo Fio da Voz
Com Renato Forin
Data - 21 de março - sábado
Horário - das 19h às 21h
Faixa etária - livre
Grátis

Postar um comentário

0 Comentários