Os Um e os Outros volta em temporada no TUSP

Foto - Cacá Bernardes
Realizado em parceria entre a Cia Livre e a Cia Oito Nova Dança, o espetáculo cria um diálogo entre a fábula contada por Brecht e a luta e resistência dos povos ameríndios no Brasil contemporâneo

Depois de estrear no Sesc Pompeia em agosto, a Cia Livre e a Cia Oito Nova Dança realizam uma nova e também curta  temporada de “Os Um e os Outros” no TUSP, de 11 a 27 de outubro de 2019.

Na peça concebida pela diretora Cibele Forjaz em parceria com a Cia Livre e a Cia Oito Nova Dança, os Curiácios são o povo dos Um, que acredita que sua cultura é universal, enquanto os Horácios são os Outros, ou todos os múltiplos povos, que defendem a diversidade dos modos de existência. O dramaturgo, poeta e encenador alemão Bertolt Brecht se inspirou em uma guerra ocorrida na Roma Antiga para escrever, em 1933, “Os Horácios e os Curiácios, uma obra que investiga modos de resistência da chamada “época da contrarrevolução”, instaurada com a ascensão e consolidação da Alemanha Nazista.

No texto de Brecht, os Curiácios invadem a terra dos Horácios para roubar seus campos e minas. Frente à ameaça de perderem tudo aquilo de que necessitam para viver, os Horácios decidem resistir. Em três batalhas - dos arqueiros, dos lanceiros e dos escudeiros - o autor aborda diferentes estratégias de luta, refletindo sobre formas de resistência ao avanço do totalitarismo no mundo.

Foto - Cacá Bernardes
Para tecer esse diálogo entre a história escrita por Brecht e a luta dos povos ameríndios no Brasil contemporâneo, as duas companhias contam com a participação de artistas colaboradores e a presença especial de convidados do povo Guarani M’Bya - moradores da Terra Indígena Tenondé-Porã, em Parelheiros, multiplicando os pontos de vista da encenação num espetáculo que mescla teatro, música, dança e projeção de imagens.

A narrativa em cena mantém como espinha dorsal o texto de Brecht, mas a encenação justapõe a este material mensagens, documentos, relatos e imagens que apresentam uma guerra em curso hoje no Brasil: a luta dos povos originários pelo reconhecimento de seus territórios, pelo respeito aos seus modos de vida e pela preservação da floresta, rios e demais seres vivos que ali vivem.


Serviço
"Os Um e os Outros"
Temporada - de 11 a 27 de outubro
Local - TUSP - Teatro da USP - Centro Universitário Maria Antônia - Sala Multiuso
Endereço - R. Maria Antônia, 294 - Vila Buarque - São Paulo
Horário - sextas e sábados às 21h e domingos às 19h
Duração - 120 min.
Ingressos - R$ 20,00 inteira e R$ 10,00 meia
Classificação - 14 anos
Mais informações 11 3123-5222

Postar um comentário

0 Comentários