Geração do Amanhã: Globo promove festival para debater o futuro do planeta

Evento é uma realização da Globo em parceria com a GloboNews e o Museu do Amanhã. Nomes como Pedro Bial, Miriam Leitão, Mateus Solano, Sônia Bridi e Maria Prata participam dos debates

Como o planeta vai alimentar 10 bilhões de pessoas? Quais serão os empregos do futuro? Como vamos nos locomover nas grandes cidades? Dúvidas como essas têm sido cada vez mais recorrentes. E o Festival Geração do Amanhã vai promover essas discussões no dia 14 de setembro (sábado), no Museu do Amanhã. A programação é gratuita e inclui conversas, oficinas interativas, experiência em realidade virtual e instalações. O objetivo é pensar sobre o que é possível fazer hoje para garantir um futuro melhor para a humanidade.

As mesas acontecem a partir das 10h30, no auditório, colocando em debate temas relacionados aos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) - iniciativa global liderada pela ONU e adotada por 193 países, incluindo o Brasil. Esses objetivos devem ser alcançados até 2030. O Festival reafirma o compromisso da Globo em popularizar os ODS, que passam por questões relacionadas ao meio ambiente, gênero, raça, desigualdades, justiça e educação pública.

Na mesa “O planeta está derretendo. E agora?”, o ator Mateus Solano e a jornalista Sonia Bridi se unem a Tasso Azevedo (engenheiro florestal), Amanda Costa (Engajamundo) e Henrique Silveira (Casa Fluminense) para falar sobre água potável, saneamento e aquecimento global.

O futuro do mercado de trabalho é o tema da conversa comandada por Alexandre Roldão e Rafael Coimbra, do programa ‘Hub GloboNews’ com Alexandre Pellaes (Exboss) e Ana Carolina Da Hora (Olabi). Maure Pessanha (Artemisia), Carlos Nobre (Instituto de Estudos Avançados-USP) e Barão di Sarno (Questtonó) falam sobre criatividade, inovação e novos modelos de negócio com Maria Prata e Victor Ferreira, apresentadores do ‘Mundo S/A’ e ‘Em Movimento’, também da GloboNews.

À tarde, a comentarista Miriam Leitão, Michele dos Ramos (Instituto Igarapé), Fernanda Campagnucci (Open Knowledge Brasil) e Átila Roque (Ford Foundation) participam de um misto de debate e desafio comandado por Pedro Bial para refletir sobre justiça, paz e instituições eficazes.

Como num jogo, eles serão convidados a comentar algumas afirmações (se são verdadeiras, falsas e por quê). A plateia também poderá participar. Na sequência, a importância da educação pública de qualidade para a redução de desigualdades é o tema da conversa, também comandada por Pedro Bial, com Ricardo Henriques (Instituto Unibanco), Eliane Ferreira (Escola Municipal Professor Souza Carneiro) e Flávia Rios (UFF).

Juntaê itinerante do Gloob é uma das atrações do evento. Foto - divulgação
Oficinas e experiências estimulam a mudança de comportamento

O Festival Geração do Amanhã também oferecerá atividades para envolver toda a família na busca por um futuro melhor para todos.

Na área externa do museu, uma escultura em formato de peixe será instalada para estimular a reciclagem. O “peixão” servirá de depósito de tampinhas plásticas com o objetivo de chamar a atenção do público para a poluição dos mares. De acordo com as Nações Unidas, se nada for feito, até 2050 haverá mais plásticos do que peixes nos oceanos.

As tampinhas recolhidas serão entregues ao projeto “Rodando com Tampinhas”, que compra cadeiras de rodas para pessoas cadastradas na ABBR (Associação Brasileira Beneficente de Reabilitação). O descarte correto de resíduos também será tema de oficina promovida pela equipe do programa ‘Como Será?’.

Quem quiser vivenciar o impacto de estar na Amazônia, maior floresta tropical do mundo, poderá fazer um tour em realidade virtual.

As crianças terão uma programação pensada especialmente para elas. O Gloob levará para o evento o ‘Juntaê Itinerante’, que tem como proposta mostrar como é possível começar a transformar o mundo de maneira divertida e com responsabilidade. Elas participam do processo de reciclagem do plástico, que no final é transformado em um chaveiro do personagem Juntaê.

Para mostrar que a prática de esportes é importante aliada de quem deseja ter saúde e qualidade de vida, o SporTv promoverá uma disputa de pênaltis solidária. A cada gol marcado, uma chuteira será doada para uma instituição social parceira da Globo.

A criançada também poderá aprender brincando sobre os ODS. No jogo ‘Brincar e Construir o Futuro’, o público infantil conhecerá os Objetivos e aprenderá o que é possível fazer para alcançá-los até 2030.

Museu do Amanhã tem exposição sobre comida

Alguns participantes do festival também terão a oportunidade de visitar a exposição ‘Pratodomundo - Comida para 10 bilhões’, em cartaz no Museu do Amanhã. Ela promove um questionamento sobre como alimentar, a partir de 2050, uma população de 10 bilhões de pessoas com qualidade nutricional, diversidade de produção e sustentabilidade. A visita será guiada para grupos de 20 pessoas de hora em hora.

A programação do Geração do Amanhã inclui ainda conversas com adultos e crianças sobre igualdade de gênero, plantio de mudas realizado em parceria com a SOS Mata Atlântica e bicimáquinas, em que é possível se exercitar e produzir energia limpa ao mesmo tempo.

A partir das 18h, na Praça Mauá, Vanessa da Matta e Letrux se apresentam em uma edição especial do Estação Rio, projeto da Globo que leva shows gratuitos e de grandes artistas a diferentes bairros e municípios do Rio.

Serviço

Festival Geração do Amanhã
Local - Museu do Amanhã
Endereço - Praça Mauá, 1 - Centro - Rio de Janeiro
Data - 14 de setembro
Horário - das 10h às 18h
Programação completa e inscrições prévias no site clique aqui

Estação Rio
Local - Praça Mauá
Atrações - Letrux e Vanessa da Mata
Horário - a partir das 18h
Entrada gratuita
Classificação livre

Postar um comentário

0 Comentários