Livro reflete sobre as consequências de todo o comportamento humano


O livro A oração contemplativa, escrito por Hans Urs von Balthasar convida o leitor a uma reflexão sobre a necessidade e a beleza da oração contemplativa, porém o autor coloca em discussão as dificuldades encontradas pelos cristãos em realizar a oração de modo sincero, já que em muitos desses momentos ocorre a distração e a dispersão, não produzindo nenhum fruto. 


De acordo com Johannes Verlag, responsável pelo prefácio da obra, muitas vezes as pessoas se apegam a livros de “meditações”, na busca de aprender como meditar, mas ele enfatiza “olhar alguém que faz uma refeição não nos deixa saciados”. “O que fazemos, ao ler suas “meditações”, é uma “leitura espiritual”, mas não uma oração contemplativa. Vemos de que forma uma outra pessoa encontrou a Palavra de Deus e tiramos algum proveito disso, mas aquele foi o seu encontro e não o nosso – nós mesmos não fizemos encontro algum”, afirma. 



Este livro busca contribuir com os leitores que tem o anseio em encontrar maneiras de meditar. O volume não oferece meditações já realizadas, mas pontos a serem meditados, especialmente sobre trechos do Novo Testamento. Esses pontos são redigidos de um modo tal que ofereçam, em algum momento, simples estímulos e possíveis perspectivas para a contemplação pessoal. 

A obra é dividida em três partes

O ato da contemplação, o objetivo da contemplação e a amplitude de tensões da contemplação. Na primeira parte, o autor vai discutir sobre a necessidade da contemplação, a meditação da Igreja e a realidade da contemplação. 


Na sequência Balthasar aborda o objeto da contemplação que é Deus. “Contemplamos a vida de Jesus apenas porque ela é a vida do Filho de Deus [...] Não podemos contemplar a Deus senão por meio desses caminhos que nos levam a Ele, nos quais Ele próprio se revela e se deixa encontrar”, escreve o autor.


Já na última parte é refletido sobre o ato de contemplação e tensão entre existência e essência, passando por temas como “Carne e espirito” e “céu e terra”.

Sobre o autor

Hans Urs von Balthasar (1905 – 1988) ordenou-se sacerdote pela Companhia de Jesus em 1936. Enquanto capelão de estudantes em Basel, Suiça, entre 1940 e 1948, fundou, em 1945, com Adrienne von Speyr, um instituto secular (para leigos consagrados), a Comunidade São João. Foi um dos fundadores da revista católica internacional Communio, junto com Joseph Ratzinger. João Paulo II o criou cardeal em 1988, pouco antes de seu falecimento.

Ficha Técnica


A oração contemplativa
Autor - Hans Urs von Balthasar
Editora - Paulus
Coleção - Fides Quaerens
Área de interesse - Filosofia
Páginas - 240
Preço - R$ 49,00

Clique Aqui para mais informações e comprar.

Postar um comentário

0 Comentários