Dianne Reeves se apresenta na Sala São Paulo em outubro

Foto - Divulgação

Ganhadora de 5 Grammy Awards, a diva do jazz participará pela primeira vez da série “Música pela Cura”, em comemoração aos 20 anos da TUCCA - Associação para Crianças e Adolescentes com Câncer

No dia 10 de outubro, às 21h, a Sala São Paulo será palco para uma das maiores vocalistas de jazz do mundo, Dianne Reeves. O espetáculo faz parte do projeto “Música pela Cura” da TUCCA, que reverte 100% da bilheteria para o tratamento de crianças e adolescentes carentes com câncer, operando em parceria com o Hospital Santa Marcelina.

Cinco vezes vencedora do Grammy Awards, como resultado de seu estilo único de jazz e R&B, Reeves recebeu o Grammy de Melhor Performance Vocal de Jazz por três gravações consecutivas - além do Grammy de Melhor Vocal de Jazz pela trilha sonora do filme “Good Night and Good Luck” de George Clooney, indicado em seis categorias no Oscar.

Reeves também é a primeira cantora a se apresentar no famoso Walt Disney Concert Hall, já gravou e tocou com Wynton Marsalis, Lincoln Center Jazz Orchestra, Chicago Symphony Orchestra sob a batuta do maestro Daniel Barenboim, e foi solista de destaque com Sir Simon Rattle e a Orquestra Filarmônica de Berlim, premiada no Creative Chair for Jazz para a Filarmônica de Los Angeles.

Últimos trabalhos

Nos últimos anos a cantora percorreu o mundo com diversos trabalhos e ações, incluindo "Sing the Truth", uma celebração musical de Nina Simone, que também contou com Liz Wright e Angelique Kidjo. Ela se apresentou na Casa Branca em várias ocasiões, incluindo o Jantar do Presidente Obama para o Presidente da China e o Baile dos Governadores.

O último lançamento de Reeves, Beautiful Life, conta com a participação de grandes nomes como Gregory Porter, Robert Glasper, Lalah Hathaway e Esperanza Spalding. Produzido por Terri Lyne Carrington, Beautiful Life ganhou o Grammy de Melhor Performance Vocal de Jazz em 2015. Conquistou um doutorado honorário em música pela Berklee College of Music e da Juilliard School. Em 2018, recebeu o maior prêmio concedido aos artistas de Jazz nos Estados Unidos, o Jazz Master pela National Endowment for the Arts (NEA).

Banda

Peter Martin (piano)
Peter Martin é um aclamado pianista de jazz, compositor, arranjador e educador. Em 2012 se apresentou num jantar oferecido pelo presidente Obama e no seguinte num Jantar do Governador para a família e convidados.

Peter se apresentou e arranjou o álbum premiado no Grammy de Dianne Reeves, A Little Moonlight. Também apareceu no filme Good Night and Good Luck, de George Clooney, de 2005, além de ser o pianista de destaque e arranjador da trilha sonora ganhadora do Grammy®. Peter já tocou, excursionou e gravou com Wynton Marsalis, Chris Botti, Betty Carter, Christian McBride e Joshua Redman, além da Filarmônica de Berlim, da Orquestra Sinfônica de Chicago e da Filarmônica de Nova York.

O pianista frequentou a Juilliard School of Music, Northwestern University e Southern Illinois University, ministrou oficinas e masterclasses em instituições de todo o mundo, incluindo o Oberlin College, Universidade Northwestern, Duke University, Carnegie Hall, Steinway Piano Gallery, Conservatório de Roterdã e Royal Scottish Academy of Music em Glasgow.

Romero Lubambo (violão)
O estilo de tocar de guitarra de Romero une ritmos de sua herança musical nativa brasileira com sua fluência na tradição jazzística americana para formar um novo som distinto.

Dos ritmos frios e sofisticados ao hard bop, Romero é um guitarrista de excelência em qualquer cenário musical. Já tocou e gravou com vários artistas de destaque, incluindo Dianne Reeves, Michael Brecker, Yo-Yo Ma, Kathleen Battle, Diana Krall, Herbie Mann, Wynton Marsalis, Gal Costa, Kurt Elling, Kenny Barron, Luciana Souza, Cyro Baptista, Sergio e Odair Assad, Ivan Lins, Grover Washington Jr., Vernon Reid, Flora Purim e Airto, Paquito D'Rivera, Harry Belafonte, Larry Coryell, Gato Barbieri, Leny Andrade, James Carter, Paula Robison, Dave Weckl, Jason Miles e Cesar Camargo Mariano ... entre muitos outros.

Ele também se estabeleceu como compositor e intérprete em seus próprios projetos de gravação aclamados pela crítica, bem como nos do Trio Da Paz, um trio de jazz brasileiro formado por Nilson Matta e Duduka da Fonseca.

Reginald Veal (contrabaixo)
Reginald tem uma carreira musical de mais de trinta anos, começou a gravar com Marsalis em meados dos anos 80 e apareceu no Standard Time, Vols. 2 e 3, The Majesty of the Blues, Crescent City Christmas, Uptown Ruler, Levee Low Moan, Tune In Tomorrow, Blue Interlude e Citi Movement.

Veal nasceu em Chicago, mas cresceu em Nova Orleans, onde ele teve aulas de piano e foi baixista em uma banda de música gospel liderada por seu pai. Ele teve aulas de contrabaixo com Ellis Marsalis e depois estudou na Southern University, aprendendo trombone baixo com Alvin Batiste. Ele fez turnês como baixista de Ellis Marsalis de 1986 a 1989 e também trabalhou com Donald Harrison, Harry Connick Jr., Marcus Roberts e Terence Blanchard nesse mesmo período; No final de 1987, ele começou a trabalhar com Wynton Marsalis também, tocando com a Lincoln Center Jazz Orchestra no início dos anos 90.

Em 1994, mudou-se para Atlanta, onde continuou a trabalhar com Wynton, Ellis e Branford Marsalis, e mais tarde passou a integrar as bandas de Dianne Reeves, Nicholas Payton, Leroy Jones, Courtney Pine, Eric Reed, Greg Tardy, Junko Onishi e outros.

Terreon Gully (bateria)
Terreon Gully é um dos artistas mais influentes de sua geração, reconhecido por sua criatividade, versatilidade e autenticidade. Com um som inovador e distinto inspirou artistas como Dianne Reeves, Christian McBride e Stefon Harris a fazer dele um membro de suas bandas.

Ele se apresenta, excursiona e grava extensivamente com uma variedade de artistas. Das lendas do jazz e mestres modernos aos ícones mais badalados do Hip Hop, Terreon trabalhou com os melhores: Kurt Elling, David Sanborn, Nicholas Payton, Kenny Barron, Stones, Stny, Benny Green Trio, Queen Latifa, Yerba Buena, Charlie Hunter, Abbey Lincoln, Marc Cary, Russell Gunn, Lizz Wright, Jacky Terrasson, Eldar, Me'Shell NdegeOcello, Lauryn Hill, Mos Def e Common, bem como uma série de outros artistas. Além de apresentações ao vivo, também é conhecido por seu trabalho no estúdio, produzindo e gravando CDs, filmes e comerciais - além de atuar como professor de música na Universidade de Manitoba em Winnipeg, Canadá e deu clínicas e masterclasses em todo o mundo.

Originalmente de East St. Louis, Illinois, Terreon refinou seu talento musical em Nova York, depois de concluir o curso universitário na Universidade de Houston, no Texas.

Sobre a TUCCA

A TUCCA - Associação para Crianças e Adolescentes com Câncer é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, que oferece tratamento multidisciplinar de excelência a crianças e adolescentes carentes com câncer, sem custos ao paciente ou à família. Em 20 anos de atividade, já assistiu mais de 3.000 pacientes, atingindo taxas de cura próximas a 80%, índice 60% acima da média brasileira, igualado somente aos da Europa e dos Estados Unidos.

Para otimizar recursos, a TUCCA mantém parceria com o Hospital Santa Marcelina e aplica os valores arrecadados direta e exclusivamente no tratamento, pesquisa, diagnóstico precoce e capacitação de profissionais. Também conta com uma equipe multidisciplinar que assiste o paciente e sua família durante todo o período do tratamento e até que fiquem completamente bem.

Sobre o projeto “Música pela Cura”

Em busca de alternativas para levar adiante a iniciativa de prestar assistência integral a crianças e adolescentes carentes com câncer, começam a vislumbrar novos tons e acordes. Chegam, então, a uma nova ideia: cativar pela música. Naquele momento foi criado o projeto “Música pela Cura” da TUCCA.

Os espetáculos são realizados através de leis de incentivo à cultura, com o fundamental apoio de patrocinadores e parceiros, e toda a renda obtida é destinada ao tratamento dos pacientes assistidos pela associação em parceria com o Hospital Santa Marcelina. “A arte a serviço do cuidado traz benefícios a todas as partes envolvidas, ao parceiro, ao colaborador e, em especial, ao paciente”, esta é a tônica do bem-sucedido projeto.

Serviço

Música pela Cura - Show de Dianne Reeves
Local - Sala São Paulo
Endereço - Praça Júlio Prestes, 16 - Campos Elíseos - São Paulo
Data - 10 de outubro
Horário - 21hs
Ingressos - de R$ 60,00 a R$ 320,00
Informação - 11 2344-1051 ou e-mail- ingressos@tucca.org.br
Pelo aplicativo TUCCAPP é possível comprar antecipado e sem taxa de conveniência Clique Aqui

Comentários