Indicação ao Prêmio Fundação Bunge vai até 30 de junho



Tradicional prêmio vai homenagear profissionais que contribuem para o desenvolvimento da cultura e das ciências no Brasil

As principais universidades e instituições científicas e culturais do Brasil indicarão, até o dia 30 de junho, profissionais que serão homenageados na 63ª edição do tradicional Prêmio Fundação Bunge, que neste ano reconhecerá a área de Ciências Agrárias, com o tema “Serviços Ambientais para o Agronegócio”, e de Letras, com o tema “Literatura infantojuvenil”. Os contemplados serão anunciados em agosto e a cerimônia de entrega do prêmio acontecerá em novembro.

O Prêmio Fundação Bunge é concedido anualmente com a proposta de reconhecer os profissionais que contribuem para o desenvolvimento da cultura e das ciências no Brasil, além de estimular novos talentos. A premiação homenageia dois profissionais de cada uma das áreas de atuação reconhecidas, totalizando quatro contemplados: dois na categoria Vida e Obra, que recebem, cada um, medalha de ouro e R$ 150 mil; e dois na categoria Juventude (pesquisadores com até 35 anos), que recebem, cada um, medalha de prata e R$ 60 mil.

Desde a sua criação, em 1955, o Prêmio Fundação Bunge homenageou quase 200 personalidades, entre elas os escritores Jorge Amado e Ruth Rocha, o arquiteto Oscar Niemeyer e o médico e pesquisador Carlos Chagas Filho.

Sobre a Fundação Bunge
A Fundação Bunge, entidade social da Bunge Brasil, há mais de 60 anos atua em diferentes frentes com o compromisso de valorizar pessoas e somar talentos para construir novos caminhos. Suas ações estabelecem uma relação entre passado, presente e futuro e são colocadas em práticas por meio da preservação da memória empresarial (Centro de Memória Bunge), do incentivo à leitura (Semear Leitores), do voluntariado corporativo (Comunidade Educativa), do desenvolvimento territorial sustentável (Comunidade Integrada) e do incentivo às ciências, letras e artes (Prêmio Fundação Bunge).