Sesc Santo Amaro realiza a jornada dos clássicos do cinema SCI-FI

Cartaz do filme A Ameaça Que Veio do Espaço (1953) de Direção Jack Arnold
A mostra de cinema que acontece entre os dias 9 de janeiro e 7 de fevereiro apresenta cinco filmes e um curso de criação de monstro 
A partir do dia 9 de janeiro até o dia 7 de fevereiro o Sesc Santo Amaro exibe os Clássicos do Sci-fi: Uma Jornada de Quatro Décadas pelo Fantástico Mundo dos Filmes B de Ficção Científica. Na sua programação além de filmes temos o curso A Criação de Um Monstro, conduzido por Kapel Furman. As exibições cinematográficas acontecem as quartas, sempre às 19h, gratuitas, o curso acontece as terças, às 17h, com inscrições prévias. 

O termo Sci-fi é abreviatura em inglês para ficção científica, este gênero cinematográfico que ao longo da história da sétima arte criou diversas produções, avançou nas técnicas de maquiagem e efeitos especiais, assim instigou a imaginação do público sobre a possibilidade de seres extraterrestres, lugares espaciais e outros assuntos misteriosos. Na jornada dos clássicos do Sci-fi serão exibidos filmes de 1950, 1960, 1970 e 1980, de diretores consagrados dessas décadas, durante a mostra um catálogo é distribuído ao público participante com conteúdo histórico das produções exibidas, biografias e curiosidades. 

O Início da jornada se dá com o curso A Criação de Um Monstro no dia 9 de janeiro, terça-feira, às 17h no Espaço de Tecnologias e Artes e segue até o dia 6 de fevereiro, sempre as terças. Conduzido por Kapel Furman, cineasta e especialista em efeitos especiais, o curso demonstra de forma teórica e prática técnicas para efeitos visuais para filmes de terror e ação, visa à criação da personagem icônica “Monstro” que dentro do set induz realização incomum de um filme. As inscrições podem ser realizadas na Central de Atendimento no Sesc Santo Amaro, os valores são de 6 a 20 reais.

O primeiro filme exibido é A ameaça que veio do espaço (1953), direção Jack Arnold, no dia 10 de janeiro, às 19h, na Sala de Múltiplo Uso (Térreo).
Sinopse
No interior do Arizona, um astrônomo descobre que uma espaçonave caiu no deserto, mas ninguém acredita nele. Quando moradores começam a desaparecer ele decide investigar. Baseado em um conto de Ray Bradbury (autor de Fahreinheit 451) no filme há reflexo do contexto histórico, a paranoia ideológica da guerra fria.

O segundo filme é Fuga no Século 23 (1976), direção de Michael Anderson, no dia 17, às 19h, na Sala de Múltiplo Uso (Térreo).
Sinopse
No século 23 a população tem uma idade limite para viver: 30 anos, idade estipulada por computadores para manter o controle demográfico. O policial Logan é designado para encontrar o "santuário", local onde os fugitivos se escondem. Ele está próximo de completar os 30 anos e começa a questionar as regras do sistema. O Filme traz diversas reflexões a respeito da sociedade norte-americana, até mesmo sobre informática e automação social, que no futuro a tecnologia serviria como ferramenta para felicidade.

A jornada segue no dia 24, às 19h, no Teatro (1ª Andar) com o filme O Planeta Proibido (1956), direção de Fred M. Wilcox.
Sinopse
Inspirado em A Tempestade, de William Shakespeare, o filme narra a história de uma expedição para verificar uma colônia de cientistas em um planeta distante. Um dos clássicos absolutos da ficção científica, a produção marcou a estreia do icônico robô Robby. A exploração especial norteia o enredo do filme, no entanto o robô Robby rouba a cena como elemento cômico.

Na última quarta-feira do mês de janeiro, no dia 31, às 19h, no Teatro (1ª Andar) o filme exibido é Eles Vivem (1988), direção de John Carpenter.
Sinopse
Um trabalhador braçal chega a Los Angeles e encontra um emprego em um edifício em construção. Em uma operação policial parte do local onde mora é destruída, então ele encontra uns óculos escuros aparentemente comuns, mas ao usá-los consegue enxergar alienígenas disfarçados de seres humanos e as mensagens subliminares que eles transmitem através da mídia. Trata criticamente o papel da mídia, principalmente, de empresas mais fortes controlando outras, daí uma reflexão sobre o poder da comunicação. 

A última exibição da mostra acontece na primeira quarta-feira de fevereiro, no dia 7, às 19h, no Teatro (1ª Andar) com o filme Os Malditos (1963), direção de Joseph Losey.
Sinopse
Um turista norte-americano, um jovem líder de uma gangue e sua problemática irmã acabam presos em um complexo secreto que faz experiências com crianças. O filme é uma fascinante parábola de Losey sobre paranoia atômica. Um filme de gangue que influenciou Kubrick no Laranja Mecânica (1971), com personagens cheios de toques psicológicos e ações misteriosas.

Serviço
Clássicos do SCI-FI: Uma jornada de quatro décadas pelo fantástico mundo dos filmes B de Ficção Científica
Curso
A Ceiação de Um Monstro - com Kapel Furman
Quando - 9 de janeiro a 6 de fevereiro
Horário - Terças, às 17h
Local - Espaço de Tecnologias e Artes (2º andar)
Classificação - acima dos 14 anos
Valores - R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (estudantes, +60 anos e aposentados, pessoas com deficiência e servidores da escola pública) e R$ 6,00 (Credencial Plena válida: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculados no Sesc e dependentes).
Filmes
A Ameaça Que Veio do Espaço (1953) - Direção Jack Arnold
Quando - 10 de janeiro
Horário - 19h
Local - Sala de Múltiplo Uso (Térreo)
Duração - 80 minutos
Classificação - 12 anos
Grátis
Fuga no Século 23 (1976) - Direção Michael Anderson 

Quando: 17 de janeiro
Horário: 19h
Local: Sala de Múltiplo Uso (Térreo)
Duração: 119 minutos
Classificação: 12 anos
Grátis
O Planeta Proibido (1956) Direção Fred M. Wilcox
Quando - 24 de janeiro
Horário - 19h
Local - Teatro (1ª Andar)
Duração - 90 minutos
Classificação - 12 anos
Grátis
Eles Vivem (1988) Direção John Carpenter 
Quando - 31 de janeiro
Horário - 19h
Local - Teatro (1ª Andar)
Duração - 94 minutos
Classificação - 12 anos
Grátis
Os Malditos (1963), Direção Joseph Losey
Quando - 7 de fevereiro
Horário - 19h
Local - Teatro (1ª Andar)
Duração - 95 minutos
Classificação - 12 anos
Grátis

Sesc Santo Amaro
Endereço - Rua Amador Bueno, 505 - Santo Amaro
Acessibilidade - universal.
Bilheteria e horário da unidade - Terça a sexta, das 10h às 21h30. Sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h30.
Estacionamento da unidade - R$ 5,50 a primeira hora e R$ 2,00 por hora adicional (Credencial Plena); R$ 12,00 a primeira hora e R$ 3,00 por hora adicional (outros).
Preço único mediante apresentação de ingresso (a partir das 18h) - R$ 7,50 (Credencial Plena) e R$ 15,00 (outros).
Disponibilidade - 158 vagas para carros e 36 para motos. A unidade possui bicicletário gratuito.

Comentários