Fundação Japão promove Sky Bridge Experience: um encontro através das constelações


Experiência que reunirá realidade virtual, concerto e exposição na Unibes Cultural, em São Paulo, acontece de 18 a 20 de março com entrada gratuita

A Fundação Japão em São Paulo, com apoio da Unibes Cultural e Sinos na Floresta, apresenta, Sky Bridge Experience, um encontro entre o Brasil e o Japão através das constelações, nos dias 18 a 20 de março, na Unibes Cultural, em São Paulo.

O evento de realidade virtual, utilizando a linguagem visual e sonora, reúne a experiência do planetário, concerto musical e exposição, combinando a cultura japonesa e a brasileira. Com a curadoria e produção de Shen Ribeiro, o evento é uma extensão do projeto Sky Bridge-Ponte do céu e tem ingressos gratuitos, que deverão ser retirados no local, a partir de uma hora antes de cada sessão. As sessões terão vagas limitadas a 70% da capacidade do local, com a exigência de apresentação do passaporte de vacinação na entrada.

Sobre Sky Bridge Experience


O conteúdo do projeto Sky Bridge-Ponte do céu, originalmente desenvolvido para os planetários no Japão, foi convertido especialmente para a plataforma de realidade virtual, resultando no Sky Bridge Experience, que proporcionará ao público brasileiro uma experiência única.

O Sky Bridge-Ponte do céu faz parte de uma série de projetos de arte cênica de cooperação internacional da Fundação Japão. Desenvolvida para os planetários no Japão pela empresa japonesa LIL Visual Art Studio, contou com a participação de músicos e artistas de ambos os países na produção.

“O nome do projeto nasceu primeiro em japonês, com a ideia de um projeto que unisse músicos japoneses e brasileiros, unidos a um tema relacionado com estrelas e a via láctea. Porém, percebemos que esse encontro iria muito além de um encontro musical, estabelecendo uma ponte cultural entre dois países irmãos, apesar da incrível distância geográfica que nos separa e das diferenças culturais que nos une”, explica o músico Shen Ribeiro, curador do projeto.

O projeto conta com apresentações musicais ao vivo, com os músicos brasileiros que estiveram envolvidos na trilha musical, além da exposição de trabalhos de artistas visuais de ambos os países. O evento reúne o dinamismo da linguagem visual de Daisuke Hashimoto, do estúdio japonês LIL Visual Art Studio, a sensibilidade da artista brasileira Camila Gondo, a poesia sonora de músicos brasileiros, como Ari Colares, Gabriel Levy, Neymar Dias e Shen Kyomei Ribeiro, e o músico japonês Yohei Kobayashi, entre outros. A produção foi conduzida no Japão pela Mayumi Otake, da S. C. Alliance.


Confira abaixo a programação:

Data - 18 de março - sexta-feira
Sessões de VR (Realidade Virtual)
Horário - 16h, 16h45, 17h30, 18h15 e 20h
Exposição a partir das 16h
Concerto às 19h

Data - 19 de março - sábado
Sessões de VR (Realidade Virtual)
Horário - 14h30, 15h15, 16h, 16h45, 17h30, 18h15 e 20h
Exposição a partir das 14h
Concerto às 19h

Data - 20 de março - domingo
Sessões de VR (Realidade Virtual)
Horário - 14h30, 15h15, 16h, 16h45, 17h30, 18h15 e 20h
Exposição a partir das 14h
Concerto às 19h

Serviço
Sky Bridge Experience
Período - de 18 a 20 de março
Horário - sexta-feira a partir das 16h, sábado e domingo a partir das 14h
Local - Unibes Cultural
Endereço - Rua Oscar Freire, 2.500 - Sumaré - São Paulo (ao lado do Metrô Sumaré)
Capacidade - sessões de VR são limitadas a 30 pessoas por sessão. Concerto com capacidade de 200 lugares (sessões com limite de 70% da capacidade)
Ingressos gratuitos, com distribuição de senhas no local a partir de 1 hora antes de cada sessão (VR e concerto)
A apresentação do passaporte de vacinação será exigida na entrada, como medida de prevenção ao risco de transmissão do Coronavírus (Covid-19)

Postar um comentário

0 Comentários