Bhagavad Gītā: ensinamentos sobre as questões fundamentais da vida

Capa do livro - Bhagavad Gītā 
Imagem - Divulgação - Selo Mantra/Edipro 
O selo Mantra lança, em edição bilíngue (sânscrito/português), a obra hindu mais lida em todo o mundo. Com tradução que preserva toda a força e a beleza da linguagem original, a obra é um verdadeiro tratado de yoga, tão valioso quanto os Yoga Sutras, de Patanjali

Após três publicações sobre yoga - Haṭha-Yoga-Pradīpikā, Os Yoga Sutras de Patanjali e O coração do Yoga -, o selo Mantra, da Edipro, lança a Bhagavad Gītā, uma das obras clássicas mais importantes da filosofia oriental, escrita originalmente por volta de 400 a.C.

Considerada a composição mais popular da Índia, e uma das obras-primas da poesia épica indiana, a Bhagavad Gītā é o cântico que se tornou um dos pilares do Hinduísmo religioso. Entendida como o episódio mais famoso do grande épico indiano, o Mahābhārata, cuja autoria é atribuída a Kṛṣṇa Dvaipayana Vyāsa.

A clássica narrativa retrata o diálogo entre Kṛṣṇa e o guerreiro Arjuna, e apresenta respostas para as questões fundamentais da vida. Traz à tona a universalidade e a atemporalidade de seus ensinamentos e continua a inspirar uma ampla variedade de interpretações, tanto no Oriente quanto no Ocidente.

Esta tradução preserva toda a força e a beleza da linguagem original deste poema inspirador e traz um significativo diferencial em relação a muitas outras: ela respeitosamente extrapola os contextos religioso e devocional ao considerar a abordagem que percebe a Bhagavad Gītā como um tratado doutrinário de yoga.

Sobre o autor
Kṛṣṇa Dvaipayana Vyāsa é uma figura central reverenciada na maioria das tradições hindus. Ele é considerado como o autor do épico Mahābhārata. Segundo a tradição hindu, Vyāsa é o grande responsável pelo registro dos textos sagrados hindus na forma pela qual são conhecidos hoje.

Ficha técnica
Bhagavad Gītā
Autor - Kṛṣṇa Dvaipayana Vyāsa
Editora - Mantra/Edipro
Assunto: Filosofia oriental/Espiritualidade
Preço - R$ 54,00
Edição - 1ª edição/2018
Número de páginas - 272

Comentários